Blog

Classificação contábil de contas patrimoniais e de resultados.

img_artigo47

A Contabilidade é uma Ciência Social Aplicada que tem como objeto o patrimônio. Para controlar, registrar e mensurar o patrimônio é necessária a criação de um plano de contas adequado à realidade da entidade. Através deste plano de contas, são realizados os lançamentos contábeis.

Para realizar os lançamentos contábeis é preciso classificar as contas. Com isso, observa-se uma série de procedimentos sequenciados para que a informação contábil seja finalmente apresentada para o usuário.

Porém, como classificar as contas? Elas podem ser divididas em dois grandes grupos:

Contas Patrimoniais: Estas contas estão relacionadas ao patrimônio da entidade e tem como representação o ativo, passivo e patrimônio líquido.

Contas de Resultado: Estas contas estão relacionadas às receitas, custos e despesas de uma entidade.

Após separar as contas entre patrimoniais e resultados é preciso entender também a natureza de cada grupo de contas.

Grupo de Ativo: São contas que representam os bens e direitos e possuem natureza devedora. Desta forma, quando o saldo aumenta, debita-se, quando o saldo diminui, credita-se.

Grupo de Passivo: São contas que representam as obrigações da entidade para com terceiros e possuem natureza credora. Desta forma, quando o saldo aumenta, credita-se, quando o saldo diminui, debita-se.

Grupo de Patrimônio Líquido: São contas que representam as obrigações da entidade para com os sócios/acionistas e possuem natureza credora. Desta forma, quando o saldo aumenta, credita-se, quando o saldo diminui, debita-se.

Grupo de Receitas: Estas contas representam a variação positiva do patrimônio e possuem natureza credora. Desta forma, quando o saldo aumenta, credita-se, quando o saldo diminui, debita-se.

Grupo de Custos: Estas contas representam a variação negativa do patrimônio e possuem natureza devedora. Desta forma, quando o saldo aumenta, debita-se, quando o saldo diminui, credita-se.

Grupo de Despesas: Estas contas representam a variação negativa do patrimônio e possuem natureza devedora. Desta forma, quando o saldo aumenta, debita-se, quando o saldo diminui, credita-se.

Tendo conhecimento destas classificações é possível efetuar os lançamentos contábeis com segurança e fornecer informações econômico-financeiras compreensíveis, comparáveis, tempestivas e confiáveis.